Blog Widget by LinkWithin

sábado, 11 de julho de 2009

Cronologia III – de 1901 a 1911

1901 – O Tenente ANTÔNIO GONÇALVES ALVES BECCO, em 6 de Fevereiro, funda a SOCIEDADE UNIÃO HUMANITÁRIA.

1902 – Aparece no cenário jornalístico o periódico O CAGA SEBO.

1º de Março.Nasce MIGUEL JASSELLI, a maior glória literária e intelectual de Palmares.

1903 – É inaugurada a IGREJA PRESBITERIANA DOS PALMARES.

São editados 4 jornais. João Demétrio lança O CORREIO, em 23 de Agosto. Em 17 deste mesmo mês aparece A IDÉIA. Em 15 de Dezembro, A ORTIGA.E em 30 deste mesmo mês, VICENTE MAIA edita A REAÇÃO.

1904 – Dr. Leopoldo Marinho Paula Lins assume a Presidência da Câmara Municipal, sendo o primeiro Presidente daquela Casa Legislativa.

1905 - 5 de novembro - Aparece o jornal A GAZETINHA, que se tornaria em A NOTÍCIA, sob a responsabilidade de LETÁCIO MONTENEGRO, o jornal de maior duração; circulou durante 51anos, ininterruptamente. Custava apenas 300 réis.

18 de setembro - Eduardo Paiva é nomeado para a Guarda Nacional, por Decreto do então Presidente da República, Rodrigues Alves.

1906 - 15 de setembro - José Coimbra edita o jornal A ESCOLA.

15 de novembro - Aparece o jornal O GÊNIO.

Adalberto Marroquim, Miguel Griz e Manoel Peixoto, em 17 de novembro, editam o jornal O DIREITO.

1907 - É fundado o CLUBE CARNAVALESCO PÁS DOURADAS, na Rua Cel. Izácio, 409; cuja diretoria ficou assim constituída: Presidente - Generino de Souza, vice-presidente - João Bandeira, orador - Antonio Argemiro, secretário - Manoel Tomaz, tesoureiro - Francisco Guedes, fiscal zelador - Antonio Raimundo do Nascimento, diretor - Henrique Bandeira e procurador - Afonso Nunes.

DR. FRANCISCO COSTA MAIA assume a presidência da Câmara Municipal.

São editados dois jornais; dirigido por Da Costa e Silva, Esmeraldo Farias, Adalberto Marroquim e Fenelon Barreto, surge o jornal O FORMIGUEIRO LITERÁRIO. Em 15 de junho, O LEÃO DO NORTE.

1908 - Dois jornais são publicados: em 1º de novembro, de formato minúsculo, apenas 20x15 centímetros, circulação somente aos domingos, O HOLOFOTE. José Coimbra publica A INFÂNCIA, em 15 de novembro.

1910 - 27 de fevereiro - nasce em Palmares LUIZ PORTELA DE CARVALHO.

É publicado o menor de todos os jornais publicados no interior. Formato 10x7 centímetros, BIBI, cuja publicação única foi em homenagem ao menor Bibi, no dia do seu aniversário natalício. O garoto era filho do professor GASTÃO RESENDE, do Colégio São Sebastião.

1911 - Junto ao Cel. Pedro Paranhos, Gastão de França Marinho, Estácio Coimbra e Ascenso Ferreira, aderem ao movimento político em defesa da candidatura de Rosa e Silva ao Governo de Pernambuco.

Aparece o jornal O DESPERTAR.

Artur Griz e Antonio Coelho, vulgo Antonio Macaco devido à sua excessiva feiúra, publicam o jornal O ASTRO, no qual colaborou Ascenso Ferreira.

 

Fonte: arquivo da Câmara Municipal
Aceitamos colaboração para completar esta cronologia.

2 comentários

Anônimo disse...

morre em 06 de setembro um filho desta cidade PALMARES - ALDEMY GOMES DE OLIVEIRA no qual ELE SE orgulhava muito. ARQUITETO e personagem renomada da cidade de MOGI DAS CRUZES em SÃO PAULO sobrinho neto do tenente ANTONIO GONÇALVES ALVES BECCO fundador da Sociedade união humanitária desta tão querida PALMARES

Anônimo disse...

Gostei de todo o conteúdo do seu blog, Amara. Parabéns! Muito útil!
Iolita D. B. Campos

Postar um comentário

Topo da página