Blog Widget by LinkWithin

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Cronologia X - de 1980 a 1990

1980- É inaugurado o CENTRO SOCIAL URBANO.
20 de abril. A professora Maria Célia Fraga Santana Vieira e o professor Raul Joaquim Vieira, fundam o CENTRO DE PREPARAÇÃO EDUCACIONAL PROF.º MIGUEL JASSELI (CEPRED), cujo funcionamento teve inicio em fevereiro de 1981.
Em abril, a Nordestal divulga a revista POESIA (Para viver a vida) uma ousada publicação somente de poesias. Diretor: Juhareiz Correya, cujo objetivo é apresentar ao publico os poetas pernambucanos.
Paulo Meneses e Felipe Maldaner publicam o livro de poesias JOGO VIVO, cuja apresentação do mesmo foi confiada ao artista Telles Junior.
29 de dezembro. É inaugurada a AGÊNCIA DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Coube ao bancário José Lucio Vasconcelos Filho a direção da mesma.

1981- 14 de novembro. É inaugurada a RÁDIO CULTURA DOS PALMARES, cuja programação inaugural foi apresentada pelo radialista Ademar Paiva.
Numa idealização do comerciante Agenildo Bezerra da Silva é fundado CLUBE DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DOS PALMARES (A.C.P.), sendo ele o primeiro Presidente, além de Sócio- Fundador.
Juhareiz Correya publica POEMAS DE ASCENSO FERREIRA, um Documentário da mais valia, necessário em toda biblioteca de Palmares, de Pernambuco e do Brasil, editado pela Nordestal Editoria e Distribuidora Ltda.

1982- O candidato a Vice- prefeito, Sr. FRANCISCO DE ASSIS RODRIGUES , pronuncia veemente discurso- mensagem por ocasião da Convenção do P.M.D.B., que serviu der orientação e de base administrativa ao prefeito eleito neste ano, Luis Portela de Carvalho.
Dr. GARIBALDI BEZERRA GURGEL edita o JORNAL DE PALMARES. Nele colaboram Dr. Pedro Afonso de Medeiros , Dr. Ivanildo Pereira Alves, Dr. Iran Cavalcanti, Jessiva Sabino de Oliveira , Niedja Maria de Souza, professora Maria Lucia Alves Paiva, Professor Helmut Raimundo Gress e Telles Junior, entre outros. Infelizmente, apenas para fins eleitoreiros, com o objetivo político de propaganda à sua candidatura à prefeitura, foi publicado apenas três números.
LUIS PORTELA DE CARVALHO é eleito prefeito, pela terceira vez. Com ele , o Contador Sr. FRANCISCO DE ASSIS RODRIGUES é eleito Vice-prefeito.

Luiz Portela de Carvalho
Luis Berto Filho publica seu livro de contos a PRISÃO DE SÃO BENEDITO E OUTRA HISTÓRIAS.
Luis Alberto Machado faz o lançamento de seu livro de poesias PARA VIVER O PERSONAGEM DO HOMEM.

1983- 31 de janeiro. Luis Portela de carvalho e FRANCISCO DE ASSIS RODRIGUES assumem a Prefeitura, nos cargos de Prefeito e Vice- prefeito, respectivamente.
O vereador Milton D’ Emery assume a Presidência da Câmara Municipal.
O prefeito inaugura, no Bairro de Santo Antonio, o MERCADO MODELO e simultaneamente, ao mesmo bairro, a PRAÇA HELOISA CORREIA GALINDO.
É criada a AUTARQUIA EDUCACIONAL DA MATA-SUL (AEMASUL) , entidade mantedora da FAMASUL, Órgão ligado à Prefeitura.
Assumindo interiormente a prefeitura, o vice-prefeito sr. Francisco de Assis Rodrigues funda o GRUPO ESCOLAR MUNICIPAL ALVARO AGENOR CARNEIRO LEÃO, situado no Engenho Couceiro, deste Município. Ainda no Engenho Goiabeira, Edil palmarense inaugura o GRUPO ESCOLAR MUNICIPAL JOSÉ AMÉRICO DE MIRANDA.
Por força da lei nº 896, de 8 de junho , é criado a FUNDAÇÃO CASA DA CULTURA HERMILIO BORBA FILHO, “ Entidade vinculada ao Governo Municipal, sem fins lucrativos, com sede e nesta cidade”. Ao poeta Juhareiz Correya foi entregue a direção da mesma.
As edições Bagaço publicam a revista A REGIÃO, segunda revista publicada em Palmares com esse título. A primeira apareceu em 18 de maio de 1932, publicação quinzenal. Este periódico das Edições Bagaço teve como editor responsável INÊS KOURY, e como Diretor GILBERTO MELO. O Conselho Editorial foi composto por ARNALDO AFONSO FERREIRA, PAULO CALDAS e JUHAREIZ CORRYA. Dentre os colaboradores, entre outros, Pelópidas Soares, Maurício Melo Júnior. Eduardo Monteiro, José R. de Melo e Telles Júnior.
1º de Maio. Paulo de Oliveira Angeiras e o Vereador Jorge Alexandre Lins de Castro Montenegro fundam o CONSELHO MUNICIPAL DE FUTEBOL, complementando com a criação, na mesma data, da JUNTA DISCIPLINAR ESPORTIVA.
24 de Julho. O Desportista palmarense PEDRO SANTANA oficializa a LIGA DESPORTIVA DOS PALMARES, registrando-a na Federação Pernambucana de Futebol, ficando assim reconhecida, de direito e de fato, para todas as modalidades de Esporte, até então clandestina, desde 1961.

1984- Elita Afonso Ferreira lança o livro infantil o VALENTE GALO ZÉ, inaugurando assim a fundação das EDIÇÕES BAGAÇO, Editora palmarense sob a direção do Odontólogo GILBERTO MELO.
Luis Berto Filho lança o ROMANCE DA BESTA FUBANA e Jussara Rocha Koury publica seu livro de poesias PINGOS DE VIDA.

1985- 22 DE Abril. É instalado o 10º BATALHÃO DA POLÍCIA MILITAR JOAQUIM NABUCO.
9 de Junho. É publicado o SUPLEMENTO DA REVISTA A REGIÃO. “Apesar de não ter periodicidade, circulará de forma independente e com um só compromisso: o da verdade e a serviço da nossa comunidade sempre que um fato mereça registro”.
13 de Julho. “Depois de um longo período de produção literária, TELLES JÚNIOR resolve publicar um livro, trazendo, através das Edições Bagaço, uma estréia que todos cobravam e já consideravam em atrazo: ASSIM FALOU TELLES JÚNIOR, uma coletânea em poesia e prosa, excetos de cinco de seus livros inéditos”.
Luis Alberto Machado e Rubem de Lima Machado publicam RAÍZES E FRUTOS, livro de poesias unindo pai e filho em um mesmo empreendimento literário, editado pelas Edições Bagaço.
12 de Outubro. Elita Afonso Ferreira publica o livro infantil CUMADI FULOSINHA, e Paulo Caldas publica ASAS PARA QUE TE QUERO? Dois livros infantis, editados pelas Edições Bagaço.
A Bibliotecária Jessiva Sabino de Oliveira publica através do Departamento da Secretária de Educação do Estado EU VOLTAREI AO SOL DA PRIMAVERA, uma coletânea de poesias de Ascenso Ferreira adolescente, “estimulada pela honestidade profissional e intelectual de muitos amigos, resultado de uma pesquisa que durou mais de dez anos”.
É fundada a CRECHE VIOLETA GRIZ, órgão subsidiário da LIGA DE ASSISTÊNCIA AOS DESAMPARADOS, criada em 1º de Maio de 1964.

1986- JOSÉ MARIA SALES (picapau) publica pelas Edições Bagaço, seu livro de poesias SUSSURROS DA MATA.
É inaugurado o PRESÍDIO RORENILDO DA ROCHA LEÃO.
CANÇÃO DE TERRA é o título de mias um livro de poesias de Luis Alberto Machado, editado e lançado pelas Edições Bagaço.
9 de Novembro. É inaugurado o CENTRO COMERCIAL DOS PALMARES e a PRAÇA IDALINO FERREIRA LINS.
22 de Novembro. Plebiscito na Praça Idalino Ferreira Lins para decidir sobre a DERRUBADA DO VELHO MERCADO da Praça Paulo Paranhos, ao qual não compareceram as partes interessadas na preservação do mesmo, ficando adiado para a semana seguinte.
29 de Novembro. SEGUNDA FASE DO PLEBISCITO, na Praça Idalino Ferreira Lins, para o povo decidir sobre a DERRUBADA DO VELHO MERCADO da Praça Paulo Paranhos. Nessa decisão final também não compareceram as partes interessadas na “preservação” e, pela vontade do povo, foi resolvido a destruição, culminando com um arrastão de mais de 5.000 pessoas em direção aquela Praça. A multidão portanto picaretas, pás e marretas, símbolo da derrubada, e cartazes como: ARRASTA E DERRUBA.

1987- JUSSARA ROCHA KHOURY é nomeada Presidenta da Fundação Casa da Cultura Hermilo Borba Filho.
28 de Maio. É instalada a AGÊNCIA COMERCIAL DO BANORTE, sendo nomeado Gerente Geral o bancário ROBERTO MELO CUNHA, e Gerente Administrativo, ADELMO JOSÉ ALVES DE QUEIROZ.
9 de Junho. O THEATRO DE AMADORES PALMARENSE (TAPA), Órgão subsidiário do Grupo Cultural dos Palmares (GRUPALP), á convite da Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo da Prefeitura Municipal, encena no palco do Theatro Cinema Apolo a peça PALMARES- ROTA DA LIBERDE.
4 de Julho. A Federação do Teatro Amador de Pernambuco (FETEAPE) realiza o PROJETO VAMOS COMER TEATRO, durante três meses, encenando no palco do Theatro Cinema Apolo , 12 peças teatrais.
15 de Agosto. Sob a responsabilidade de JAORISH GOMES TELES DA SILVA e o apoio dos membros do GRUPALP, é lançada a Revista RESISTÊNCIA ARTÍSTICA, Órgão lítero noticioso do GRUPALP, editado pela coordenadoria de comunicação social e civismo do GRUCALP.
As Edições Bagaço lançam o livro de poesias A SOLIDÃO FOI EMBORA, do jovem poeta Admmauro Gommes.
Juareiz Correya reedita a Coletânea POETAS DE PALMARES, publicada pela Nova Era Gráfica Editora.
VIDA, SONHO E POESIA é o título do livro lançado pelas Edições Bagaço, do poeta CÉLIO FERREIRA DE QUEIROZ.
O Professor BRIVALDO LEÃO DE ALMEIDA é lançado no mundo literário dos Palmares, pelas Edições Bagaço, com o livro MEMÓRIAS DA NOITE E DO DIA.
22 de Setembro. É inaugurada a CASA DA JUSTIÇA ANIBAL BRUNO.

1988- 4 DE Março. Com apoio do Grupo Cultural dos Palmares, através do seu Órgão Subsidiário, o Teatro Amadores de Palmarense (TAPA), Federação do Teatro Amador de Pernambuco (FETEAPE), sob patrocínio integral do Vice-Prefeito dos Palmares, sr. Francisco de Assis Rodrigues, é realizado o IV ENCONTRO DE REPRESENTANTES DE GRUPOS TEATRAIS DO INTERIOR DE PERNAMBUCO.
9 de Junho. É inaugurado o TERMINAL RODOVIÁRIO ESTADUAL e, simultaneamente, o VIADUTO PROFESSORA MARIA LÚCIA ALVES PAIVA.
CANTOS, CONTOS, CRÔNICAS é o livro de ARTUR GRIZ que as Edições Bagaço editam através do “compromisso de Luis Portela de Carvalho de resgatar a memória, ou uma parte da memória, do seu tempo e de sua terra.
O Sr. FRANCISCO DE ASSIS RODRIGUES obtém a vitória nas urnas por ocasião da campanha eleitoral para Prefeito dos Palmares, vencendo seu oponente, Sr. Antônio de Almeida Melo.

1989- 12 de Agosto. É encenada no palco do Theatro Cinema Apolo a peça teatral de Luís Berto Filho, PEIBUFO, ETC., COISA E TAL. Pelo Grupo de Arte Popular dos Palmares, dirigida por Ângelo Meyer.
30 de Agosto. O Prefeito Francisco de Assis Rodrigues sanciona a Lei Municipal nº 1093, que tornou o Grupo Cultural dos Palmares GRUPALP, entidade de utilidade pública.
É agregada a Secretaria de Educação Municipal a Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo, sendo nomeado titular o secretário de Educação Professor Douglas de Miranda Marques, sem ônus para a Prefeitura.
21 de Novembro. O Prefeito Francisco de Assis Rodrigues inaugura o CENTRODE CONVIVÊNCIA DOS IDOSOS JOSÉ DE BARROS CORREIA (LELÉ CORREIA), homenageando assim o saudoso Poeta, Teatrólogo e Ator palmarense.
25 de Novembro. No Theatro Cinema Apolo é encenada a peça do Teatrólogo e Radialista palmarense AGUINALDO BATISTA, “LOVE STORY À MODA DA CASA”, sob a direção do consagrado ator pernambucano José Pimentel.

1990- O Prefeito dos Palmares faz doação de um terreno localizado na área nobre do Bairro Santa Rosa, para a construção do QUARTEL DA POLÍCIA MILITAR DO 10º BATALHÃO JOAQUIM NABUCO.
22 de Junho. Dom JOSÉ DOTH DE OLIVEIRA assume o cargo de Bispo Coadjuntor da Diocese dos Palmares, para qual foi nomeado aos 21 de Fevereiro, pelo Papa João Paulo II.
O Governo dos Palmares cria o INSTITUTO MUSICAL MAESTRO JOSÉ RAMOS DA JUSTA, sob a coordenação do Maestro Paulo Lira.
1º de Setembro. As Edições Bagaço fazem o lançamento do livro de poesias de Jussara Rocha Khoury, FLOR DE CACTUS.
14 de Setembro. “LUIS PORTELA DE CARVALHO, A CONSTRUÇÃO DE UM MITO”, é o título do livro de autoria de Maurício Melo Júnior e Jussara Rocha Khoury, que as Edições Bagaço editam e fazem o lançamento nas dependências do Ginásio Poliesportivo de Palmares

PS: o arquivo da Câmara termina aqui, a continuação da história dependerá de nós.

Fonte: arquivo da Câmara Municipal

Aceitamos colaboração para completar esta cronologia.

1 comentário

BloggerdoJCAF disse...

Ricas e importantes publicações de fatos relevantes que marcaram a história de nossa cidade.

Postar um comentário

Topo da página